sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

QUE VENHA 2011!


A vida não tem objetivo algum, a vida é a energia onde todas as coisas vivas estão conectadas e acontecendo. Conectado na energia elétrica, o ferro de engomar engoma, a televisão projeta imagens, o rádio transmite voz, a lâmpada ilumina... E nós? O que podemos fazer conectados nesta energia que chamamos de vida?

As pessoas, por hábito, dizem as outras: “Feliz ano novo! Feliz 2011!” Mas o ano é apenas um nome, uma combinação numérica. Quem pode ser novo? Quem pode fazer coisas novas? Quem pode ser feliz? Quem pode realizar tudo isso? O ano ou nós?

Sob a idéia do fazer, nós fazemos muitas coisas: realizamos trabalhos, conseguimos casa, carro, roupas... O ano de 2010 foi apenas a oficina, o espaço onde pudemos realizar tudo isso. Mas o que você construiu? O que você fez? Será que foram coisas em benefício da coletividade, ou apenas em benefício próprio?

Estamos fazendo alguma coisa duradoura, ou apenas passageira? Estamos construindo coisas no mundo material, e também no mundo espiritual?

Que no espaço do ano vindouro, acima do fazer, possamos ser. Ser uma expressão de amor, alegria, paz. Que possamos exalar sabedoria! Nos entreguemos também as coisas que duram para sempre. As coisas materiais um dia passam, elas se acabam. Mas as coisas espirituais que fazemos, elas são eternas, duram para sempre.

Em 2011 faça todo o bem que estiver em seu alcance. Meu desejo é que você seja bem sucedido, bem sucedida.

Edson Carmo
video

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

TRASNFORMARAM O NATAL NUMA TRADIÇÃO!


A palavra tradição – no inglês tradition – vem da mesma raiz das palavras inglesas, trade(Comercio) e traitor(traidor). É isso que é uma tradição: Comércio e Traição.

Olhe, perceba o que fizeram do Natal! Fizeram dele uma traição ao real motivo do nascimento de Cristo e, um comércio de presentes hipócritas e compensativos.

Natal não é uma tradição, é uma libertação. Não é uma comercialização, mas uma doação. Não é uma traição, mas uma fidelização.

Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crer, não pereça, mas tenha a vida eterna – e não apenas um só dia do ano: 25 de dezembro!

Desejo a todos, amor, alegria e paz, todos os dias das vossas vidas.

Edson Carmo

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

OS TRÊS ESTÁGIOS DO HOMEM: BÁRBARO, CIVILIZADO E AMOROSO


Moisés trouxe a lei; Jesus a Graça e a Verdade. Assim, Moisés é a lei e Jesus é o Amor. Veja o paralelo: A lei é de fora; o amor é de dentro. A lei é fundamental; o amor é essencial. A lei é funcional; o amor é existencial. A lei é para a multidão; o amor para o coração. A lei é a imposição do que deve ser; o amor é a manifestação do ser – sim, a lei é amor imposto, mas o amor é lei espontânea. A lei é para o relacionamento com os outros; o amor é o relacionamento consigo mesmo – daí Jesus dizer: “ama o próximo como a ti mesmo”. A lei é um desempenho externo; o amor um desempenho interno. Portanto, há diferença entre a lei e o amor!

Por que Moisés veio antes de Jesus? Por que a lei veio antes do Amor? Qual o sentido desta ordem?

A primeira coisa que se deve entender, é que o homem nos tempos de Moisés era bárbaro – e bárbaros não podem amar. O homem nos tempos de Moisés era um perfeito animal – e o amor não pode brotar na selva, entre os animais selvagens. Então a lei foi dada para que o homem pudesse distinguir o que é bom e o que é mau.

Nos tempos de Moisés, o homem matava livremente, foi por isso que a lei levantou-se dizendo: “não matarás.” O que isso significa? Isso significa que uma consciência estava sendo dada – a consciência de que tal atitude era errada, feia.

O homem era feio; sua face era mau; seu comportamento era violento... Então o homem pegou a lei, e fez dela sua mascara, sua indumentária, seu gesto, sua atitude, seu comportamento... Mas será que uma roupa pode mudar a essência de uma pessoa? Será que uma máscara pode desfazer a feiúra de um rosto? Mascaras escondem rostos, mas não pode destruí-los. Mas há uma coisa que a mascara pode dizer: ela pode dizer que existe uma beleza a ser alcançada e possuída. Isso é tudo que a lei pode fazer: dá a consciência de que há um estágio, uma dimensão superior a ser alcançada e possuída.

Lembre-se: A lei civiliza; o Amor espiritualiza. O homem não pode espiritualizar-se na forma de animal: primeiro ele tem que ser civilizado, só depois ele pode ser espiritualizado.

Então veio Jesus, com seu Amor, com a sua Graça... Ele não é amor imposto, e sim, amor espontâneo. Aprendamos com Jesus, porque disse Ele: “Eu Sou o Caminho...” Uma vez que a face for transformada, então não haverá nenhuma necessidade de usar máscaras.

O amor é superior a lei.

Edson Carmo

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

NATAL SOLIDÁRIO


No dia 11 de dezembro de 2010, será realizado no campo ao lado da Escola de Ensino Fundamental Eleazar de Carvalho, um evento solidário para as famílias carentes do bairro Castelo Encantado. Será um evento realizado pela Comunidade INDO / Projeto INDO.

Mostraremos os nossos trabalhos sociais e também falaremos de nossa prioridade: Mostrar a todos o Reino dos Céus.

Mais informações:

Fone: (85) 88756847 / 87863510
ou
E-mail: gleilsonalves1703@gmail.com / comunidadeindo@gmail.com

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

UMA DIFERENÇA ENTRE A VIDA E AS SITUAÇÕES DA VIDA


A vida é sempre boa, sempre generosa, sempre bela... Já as situações da vida nem sempre! A vida nunca muda, mas as situações da vida podem mudar a qualquer momento. A vida é sempre generosa; sempre proporciona oportunidades, possibilidades...

Tenho ouvido centenas de pessoas dizerem: “Que droga de vida essa minha.” O que essa pessoas estão dizendo? Será que elas estão conscientes de suas afirmações? A vida é a mesma para todos, as situações sim, essas são diferentes. Veja, uma mulher escolhe um bom homem e vive bem. Então outra mulher escolhe um homem mau e vive mal. O que é bom? O que é ruim? A vida ou a situação que a escolha criou?

Portanto, olhe para as suas escolhas, elas estão criando as situações em sua vida. Escolha bem, e você viverá bem; escolha mau e viverás mal – esse é o segredo.

Edson carmo

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

HOMENS MOVIDOS A CONTROLE REMOTO


No que se transformou o homem? Num fantoche? Numa marionete? Ou será que numa máquina movida a controle remoto?

Ao ouvir tais perguntas, ninguém reconhece estar nessas situações.

O homem foi transformado num gravador. Suas frases, suas palavras são apenas cópias.

Veja, quando alguém fala, o que ouve responde com o que tem gravado para cada palavra, cada frase que ouvir. Se alguém profere um elogio, então o que ouve reproduz a gravação destinada a elogio, e aí diz: obrigado, você também, que bom ouvir isso...

Somos nós apenas gravações, gravadores?

O homem tornou-se um ente manipulado, os acontecimentos são para ele com controles remotos.

Perceba, quando um acontecimento é um insulto, o que o homem faz? Se uma pessoa quer conectar outra ao canal da raiva, ou do medo, ou da ganância,..., será que ela consegue? Se a resposta é sim, então essa pessoa não passa de um aparelho manipulado por controle remoto! Se uma pessoa reage com violência ao ser insultada, então ela é apenas um aparelho manipulado!

O espantalho, amedronta os pássaros, os outros animais, ao mesmo tempo que alegra o fazendeiro. Mas o que há dentro de um espantalho? Apenas um vazio, ele é apenas um boneco que não tem nada de si mesmo.

Edson Carmo

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

A RAIZ DO MEDO


O medo é o sentimento de que si está prestes a perder alguma coisa. É a falta de confiança em conseguir algo. É o dilema, a duvida se se vai conseguir ou não-conseguir. O medo é incerteza entre as possibilidades. Se você tem certeza que certa coisa não é possível, então não há medo. Se você tem certeza que vai conseguir fazer determinada coisa, então também aí não há medo.

O medo só existe quando há possibilidades. Na certeza não há medo, mas a incerteza é a raiz de todo medo.

Como se livrar do medo?

Só há duas maneiras:

A primeira coisa é: elimine as possibilidades. Se nada é possível, então não haverá medo. Mas isso é semelhante à morte.

Então faça a segunda, que é: encontre a única possibilidade. Tome consciência da única possibilidade. Nunca cogite entre dois pensamentos e não haverá medo.

O amor é a possibilidade única, porque ele é incondicional, ele não vê duas possibilidades, ele só vê uma. Ele não está preocupado se vai ser recompensado ou ignorado. Ele só vê a possibilidade de fazer o bem.

“No amor não há medo, antes o amor lança fora o temor”

Edson Carmo

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

DIA DAS CRIANÇAS - PROJETO INDO


O Projeto INDO realizou atividades para comemorar o Dia das Crianças na Comunidade do Castelo Encantado. O evento aconteceu no sábado dia 16/10/2010. Foi um sucesso, 200 crianças se divertiram nas mais diversas atividades. Pula-pula, cama com bolinhas, pintura, confecção de bonequinhos de gesso, Contação de história, Jogral, apresentação de músicas e outras brincadeiras. Ainda teve distribuição de presentes, lanches, bombons, pipocas... para todas as crianças.

Todos os presentes encontraram muita diversão e passaram um sábado muito agradável e divertido.

O evento contou com a parceria da equipe da Comunidade INDO e com o patrocínio de:

Instituto Paulo Vieira;
Movimento Bairro em Ação;
Ortex;
Padaria Romana;
Perfil.

OBRIGADO A TODOS QUE PARTICIPARAM!!!

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

HOMOSSEXUALISMO?


É triste ver que as pessoas ainda continuam achando que são o corpo físico, a fabricação de um grupo heterossexual ou homossexual, ou mesmo uma idéia...

Uma acha que é pedófila, porque sente atração por crianças. Outra acha que é homossexual, porque sente atração por outra pessoa do mesmo sexo. Outra acha que é uma viciada, porque sente atração pelas drogas. Outra acha que é ladrão, porque sente necessidade ou vontade de roubar. Outra pensa que é suicida, porque tem vontade de se matar... Mas ninguém percebe que é apenas um espírito, vivendo em um corpo manipulado por desejos. Qual o sexo de um espírito? Espírito não tem sexo, e é por isso que o corpo pode se identificar com o masculino ou o feminino.

O sexo é do corpo, é ele – o corpo – quem tem genitália. É o corpo quem tem sede, fome, sono; é ele quem busca todas essas coisas a fim de se saciar. Se é correto para a espécie humana acasalar homem com homem, mulher com mulher – o que não permite a perpetuação da espécie –, então deveríamos fechar também os olhos para a pedofilia e todos os outros desejos do corpo humano que degradam e destroem nosso mundo?

Fica aqui meu questionamento.

Edson Carmo

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

A MISSÃO DE DEUS É TAMBÉM NOSSA


A MISSÃO DE DEUS

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3:16)

Todo missionário tem que ter esses quatro ingredientes em sua missão. Tomemos o exemplo de Deus:

01 - A motivação de Deus: O AMOR;
02 - Alvo de Deus: O MUNDO;
03 - Prova do seu amor: SEU FILHO;
04 - O benefício do seu amor: VIDA ETERNA.

Você é um missionário? Então, quais são os seus ingredientes?

Qual a sua motivação?
Qual o seu alvo?
Qual a prova?
E qual o beneficio?

A missão de Deus tem o sentido de um resgate.

Pergunta: O que Deus quer resgatar?

Resposta: Deus quer resgatar a sua IDÉIA ORIGINAL!

Jesus é a idéia original de Deus. Quando nos convertemos, somos também a idéia original de Deus.

Mas Jesus é a idéia materializada (o verbo se fez carne e habitou entre nós).
Quando nos convertemos, materializamos também a idéia original de Deus.

Lembre-se: A idéia só pode transformar, se ela se materializar!

Por que a bíblia foi escrita? Por que a idéia foi materializada no papel?
Por que a chamamos de velho e novo testamento?

Observe: O pai deixa um grande patrimônio, uma grande herança. Os filhos não sabem o seu desejo, a sua vontade. Se o pai morrer sem materializar no testamento a sua vontade, o seu desejo, então sua vontade não poderá prevalecer.

A vontade de Deus e que todos os homens voltem para o estado original, para a idéia original de Deus. Essa é a missão de Deus e é também a missão da Igreja.

Atentemos para as palavras do Apóstolo São Paulo:

“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.”
Romanos 12:02

RE-NOVAÇÃO = VOLTAR PARA O NOVO, VOLTAR PARA O ORIGINAL...

O PROFIXO É SIGNIFICA: RETORNAR.

Nossa missão é fazer a humanidade retornar para o seu original, para o seu Éden de pureza e de perfeição.
Edson Carmo – Comunidade INDO

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

PARA ONDE SUA ALMA ESTÁ INDO?


Há caminho que ao homem parece direito, mas o seu fim são os caminhos da morte.

(Provérbios 14:12)



Do que é que a alma anda em busca?
A alma está no corpo e o usa para buscar a alegria - ela detesta a tristeza.

O corpo é apenas um transporte. Á alma está fazendo uma viagem! Qual o propósito da sua viagem?

Essa alma chegou aqui e um dia vai ter de partir – ela tem um tempo. Neste tempo se pode perder algo ou se pode encontrar algo. Você está perdendo ou ganhando? Desperdiçando ou acumulando?

Lembre-se! Trata-se de uma viagem perigosa, porque o mundo está cheio de armadilhas. Cuidado com os acidentes, eles podem impedir que sua alma chegue ao destino desejado – a Paz eterna, ao Céu.

Como essa viagem vai terminar? Como você irá terminar? Onde você vai parar? Para onde você está indo?


”Aquele, pois, que pensa estar em pé, cuida para que não caia.”

(1Co 10:12)

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

SENTIMENTOS


Há os sentimentos materiais; há os sentimentos espirituais; e há o aparelho para senti-los.

Nós estamos aqui nesta existência, e podemos sentir frio, calor, dor, odor... Estamos aqui nesta existência, e podemos sentir alegria, paz, amor... O aparelho pelo qual podemos sentir tudo isso, é o nosso corpo! Veja, se estivermos com calor, então podemos conectá-lo ao frio – então o calor definhará. Se estivermos com dor, então podemos conectá-lo às químicas, aos anestésicos – então a dor desaparecerá.

O corpo é uma máquina de sentir. Entenda! Nosso corpo é uma máquina de sentir! Perceba! O corpo é um aparelho incrível, e é através dele que podemos nos relacionar com o mundo material ou com o mundo espiritual. E esse aparelho tem plugs, e é com esses plugs que podemos nos conectar com essas duas dimensões. Há também as tomadas materiais e as espirituais. E o grande problema dos seres humanos, é que eles buscam sentir coisas materiais, conectando-se a tomadas espirituais. Buscam coisas espirituais conectando-se às coisas materiais. Veja: O amor é espiritual e as pessoas estão tentando senti-lo através da atividade sexual. As pessoas estão buscando sentir felicidade, mas estão fazendo isso, conectando-se ao dinheiro.

Esse é todo o drama, e também toda frustração humana!

Edson Carmo

domingo, 29 de agosto de 2010

A SALVAÇÃO E O SALVADOR


A SALVAÇÃO E O SALVADOR

Jesus não é o salvador. O salvador somos nós mesmos. Jesus é a Salvação! Perceba: Existe a porta, a porta não salva ninguém, mas ela é a salvação. É por meio dela que cada um de nós pode sair para escapar de um incêndio, da fome... ou entrar para abrigar-se dos perigos, do sol, da chuva...

A Porta existe e a “casa” está pegando fogo; a Porta é o escape, mas quem está prestes a ser consumido pelo fogo é quem tem de si salvar por Ela.

Assim, existe o inferno, mas diante de nós está a Porta para o Céu. Entremos por Ela!

Disse Jesus: “Eu sou a Porta, quem entrar por mim salvar-se-á...”

Edson Carmo

domingo, 22 de agosto de 2010

O CAMINHO PARA QUEM QUER ENSINAR E FAZER-SE ACEITAR


Se você quer ensinar e fazer as pessoas te aceitarem! Alguns passos são necessários:

O primeiro passo é calar. Calar não só a boca, mas também os pensamentos.
O segundo passo é ouvir. Como é possível ensinar se não aprender?
O terceiro passo é guardar. Tudo deve estar à disposição para quando for preciso.
O quarto passo é praticar. Ninguém acreditará no que você ensina sem praticar.

Se você conseguir dar esses passos, então você está apto a ensinar.

Edson Carmo

sábado, 7 de agosto de 2010

04 TIPOS DIFERENTES DE PESSOAS


Existem 04 tipos de pessoas:

01 – Os inteligentes que tomam iniciativas;
02 – Os inteligentes que não tomam iniciativas;
03 – Os não-inteligentes que tomam iniciativas;
04 – E os não-inteligentes que não tomas iniciativas.

Qual deles deve ser ignorado?

É claro que é o não-inteligente que toma iniciativas. Porque ele escolhe sempre o errado, e assim é sempre desastrado - é um perigo eminente a toda realização.

Assim, o inteligente que toma iniciativa deve criar;

O inteligente que não toma iniciativa deve interpretar e ensinar;

O não-inteligente que não toma iniciativa deve executar o que já foi interpretado e ensinado;

E por ultimo, o não-inteligente que tomam iniciativa deve ser reeducado, para que um dia consiga ser pelo menos um executor.

Isso é algo que pode ser aplicado em tudo nesta vida, então qual destes tipos você está sendo?

Edson Carmo

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

COLONIZAÇÃO DO REINO DOS CÉUS NO REINO TERRENO


Os profetas anunciaram que chegaria um Grande Reino a essa terra... João Batista proclamou a chegada desse Reino, dizendo:

“É chegado o Reino dos Céus”

Todo reino tem sua cultura peculiar, e o reino terreno tem como manifestação da sua cultura: o ódio, a violência, a depressão, a vingança e todo tipo de agonia.

Por isso mesmo, Deus, no seu Amor, quer estabelecer o seu Reino; um Reino onde impera a cultura do Amor, da Paz, da Alegria, da Misericórdia, do Perdão e de coisas semelhantes.

Qual o reino que você deseja que predomine?

Se você deseja que seja o Reino de Deus, o Reino dos Céus, então faça parte do Exercito de Jesus Cristo!

Edson Carmo

sexta-feira, 23 de julho de 2010

A IMPORTÂNCIA DE MANIFESTAR O AMOR DE DEUS


Todos os domingos à tarde, depois do culto da manhã na igreja, o
pastor e seu filho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos evangelísticos.

Numa tarde de domingo, quando chegou à hora do pastor e seu filho saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também chovia muito. O menino se agasalhou e disse:

-'Ok, papai, estou pronto. '

E seu pai perguntou:

-'Pronto para quê?':

-'Pai, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. '

Seu pai respondeu:


-'Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. '

O menino olhou para o pai surpreso e perguntou:

-'Mas, pai, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?'

Seu pai respondeu:

-'Filho, eu não vou sair nesse frio. '

Triste, o menino perguntou:

-'Pai, eu posso ir? Por favor!'

Seu pai hesitou por um momento e depois disse:

-'Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. '

-'Obrigado, pai!'

Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos
caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos evangelísticos a todos que via.

Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado, mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu e caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a campainha, mas ninguém respondeu. Ele tocou de novo, mais uma vez, mas ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta.

Finalmente, este soldadinho de onze anos se virou para ir embora, mas algo o deteve. Mais uma vez, ele se virou para a porta, tocou a campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um olhar muito triste. Ela perguntou gentilmente:

-'O que eu posso fazer por você, meu filho?'

Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, este
pequeno menino disse:

-'Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR. '

Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora.
Ela o chamou e disse:

-'Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!'

Bem, na manhã do seguinte domingo na igreja, o Papai Pastor estava no púlpito. Quando o culto começou ele perguntou:

- 'Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?'

Lentamente, na última fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé.
Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu rosto.

- 'Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha mais esperança ou vontade de viver.

Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu pensei:

-'Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora. '

Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa que estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei:

-'Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou vem me visitar. '

Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta,
enquanto a campainha soava cada vez mais alta.

Quando eu abri a porta e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês! As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou com voz de querubim:,

-'Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO. '

Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos.

Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto.

Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu não iria precisar mais delas. Vocês vêem - eu agora sou uma FILHA FELIZ DO REI!!!

Já que o endereço da sua igreja estava no verso deste folheto, eu vim aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno. '

Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. E quando gritos de louvor e honra ao REI ecoaram por todo o edifício,
o Papai Pastor desceu do púlpito e foi em direção a primeira fila onde o seu anjinho estava sentado. Ele tomou o seu filho nos braços e chorou copiosamente.

Provavelmente nenhuma igreja teve um momento tão glorioso como este e provavelmente este universo nunca viu um pai tão transbordante de amor e honra por causa do seu filho...

Exceto um. Este Pai também permitiu que o Seu Filho viesse a um mundo frio e tenebroso. Ele recebeu o Seu Filho de volta com gozo indescritível, todo o céu gritou louvores e honra ao Rei, o Pai
assentou o Seu Filho num trono acima de todo principado e potestade e lhe deu um nome que é acima de todo nome.

Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela se perca, leia-a de novo e passe-a adiante.

Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém próximo a você.

Lembre-se sempre que DEUS te ama e está sempre com você!

Texto enviado pela minha amiga Rita França no e-mail:
edsonantonioferreira@gmail.com

sábado, 19 de junho de 2010

O SENTIDO DA VIDA!


Para que a sua vida tenha sentido, você precisa responder estas cinco perguntas:

01 – De onde você veio?
02 – Quem é você?
03 – Por que você está aqui?
04 – O que você pode fazer aqui?
05 – Para onde você está indo?

Veja! A primeira pergunta está relacionada à sua origem; a segunda está relacionada à sua identidade; a terceira está relacionada ao propósito da sua vida; a quarta às suas habilidades, e a quinta, ao seu destino.

Quando você não sabe de onde você veio, então você é obrigado a acreditar que é um macaco evoluído – coisa que nem macaco acredita!

Quando você não sabe quem você é, então você começa a imitar outras pessoas.

Quando você não sabe por que você está aqui, então você faz qualquer coisa para passar o tempo.

Quando você não sabe o que você pode fazer, quando você não sabe do seu potencial, então você faz apenas o básico – nada criativo!

Por fim, quando você não sabe para onde você está indo, então se instala o medo de ir – é por isso que se tem tanto medo da morte.

Mas se você entende que veio de Deus; que é o ser mais precioso para Ele; que está aqui para honrá-Lo; que tem capacidade para isso e, que vai voltar para Ele. Então a sua vida tem todo o sentido.

Não desperdice sua vida na insignificância, faça coisas significativas, deixe sua marca na história.

Edson Carmo

sexta-feira, 11 de junho de 2010

A SAÍDA DO VELHO E A ENTRADA DO NOVO


O Apóstolo São Paulo disse: “Quem está em Cristo é nova criatura, as coisas velhas já se passaram, eis que tudo se fez novo”.

O novo não é o corpo, porque desta forma não seria possível mudança no idoso. O novo também não é o jovem, porque se o fosse, nenhum jovem precisaria mudar.

Entenda: o novo a quem Paulo se refere, não é o corpo! O novo é aquele que entra no corpo. E por que o novo é preciso? O novo é preciso, porque o velho já está no corpo! O velho é o EGO, a cultura, o sofrimento, o medo, a mágoa, o ciúme, a vaidade, a violência... e tudo aquilo que desgraça as nossas vidas.

Assim como o velho entrou, o Novo também pode entrar! Mas o Novo nunca entra antes do velho sair, porque ambos não podem se encontrar – eles nunca se encontram – é como a luz e as trevas.

Quando o velho vai embora, vão-se com ele os seus condicionamentos e tudo que pertence a ele. Quando o Novo chega, quando Ele entra, então vem com Ele o Amor, a Graça a Paz eterna...

Quem você escolhe?

Edson Carmo

quinta-feira, 3 de junho de 2010

INTELECTO X FÉ


Existem: Deus, a fé e os homens. O homem é o ponto de partida, a fé é o meio, e Deus é o “fim”. Assim, o homem é a realidade mais baixa, e Deus é a Realidade mais Alta.

O homem quer alcançar Deus – mas como isso é possível, se o inferior não pode alcançar o superior? Duas coisas precisam ser compreendidas: uma, que Deus está relacionado à fé, e a outra, que o homem está relacionado ao intelecto – é por isso que a fé é superior ao intelecto.

Portanto a fé pode penetrar no intelecto, mas o intelecto não pode penetrar na fé! Assim, o homem não pode chegar a Deus por meio do intelecto, mas Deus pode manifestar-se ao homem por meio da fé.

O intelecto no máximo pode sentir que há algo superior à racionalidade – a isso chamamos crença. Mas habitualmente o intelecto ignora que haja algo superior a racionalidade – e a isso chamamos descrença. Por que há tantos descrentes? Porque para a maioria, tudo que não pode ser explicado pelo intelecto não existe!

Esse é o grande absurdo, a grande mentira – chega a ser hilário, cômico...

Tantas coisas levaram milênios para serem explicadas? De tantas, quantas já tivemos explicação? O que Deus tem a ver com isso? Deus não precisa de explicação para existir, porque Ele só acontece na vida daquele que tem fé.

Edson Carmo

domingo, 23 de maio de 2010

ROUPAS FALAM


Um companheiro de trabalho um dia me disse algo assim: “As roupas conversam...”

Sim, as roupas falam, porque são escolhidas por uma necessidade interior, e às vezes essa necessidade pode ser exterior.

Olhe para um guarda de trânsito, sua roupa/farda lhe dá autoridade. Mas se ficar sem ela, quem o obedecerá? Quem dirá que tal homem é um guarda de trânsito?

Nesse caso, quem comunica a autoridade do guarda de trânsito, não é a roupa?

Estando num certo lugar, ao contemplar duas pessoas – uma com fino paletó e gravata, outra vestida com roupas velhas, sujas e rasgadas – quem nos parecerá ter dinheiro e quem nos parecerá não ter dinheiro? Será que as roupas não nos darão um palpite?!

Às vezes as pessoas encaram as roupas como sendo um estilo. Mas é importante saber que não é o estilo quem escolhe a pessoa; é a pessoa quem escolhe o estilo. E cada pessoa – como já disse – escolhe o estilo de acordo com sua necessidade interior ou exterior.

Por exemplo: Existe o estilo PUNK. Quem escolhe as roupas do estilo PUNK? Será uma pessoa conformada com a sociedade ou será uma pessoa inconformada?

Existem as prostitutas. Quais as roupas que elas escolhem? Qual o estilo? Será as roupas que cobrem os seus corpos ou será as que os expõem? Se uma mulher está com desejo de ser cobiçada, cantada, desejada, tocada... Qual o estilo das roupas que ela veste? Certamente não serão roupas de freira!

As roupas falam, contam muito do que as pessoas são por dentro, e às vezes, por fora. Olhe para suas roupas, seu estilo e descubra o porquê? É possível que exista algo muito profundo por trás disso.

Edson Carmo

terça-feira, 27 de abril de 2010

O FALSO ADORADOR


Por que muitos são falsos adoradores?

Muitos são falsos adoradores porque suas adorações são impostas pelo mundo exterior – o adorador é imposto pelo lado de fora! Mas internamente eles permanecem sem contato com Deus.

O Profeta Isaias disse: “Esse povo honra o Senhor com os lábios, mas o coração está longe dEle.”

Ora, cada falso adorador existe em uma divisão: um adorador do lado de fora e, um não-adorador do lado de dentro. Então cada religioso têm duas entidades a satisfazer:

01 - O "adorador" que reside do lado de fora;
02 - O NÃO-adorador que reside do lado de dentro.

A isso o Senhor Jesus chamou de hipocrisia, o que também conhecemos como desonestidade.

O resultado disso, é isso que estamos vendo: As pessoas falando de amor, mas vivendo em desamor. Falando da verdade, mas vivendo na mentira.

O homem exterior foi mudado, mas o interior continua desviado.

Essa é a atitude de muitos que se dizem igreja.

Edson Carmo

domingo, 18 de abril de 2010

A FORMAÇÃO DO EGO


Primeiro existe o Todo, o Ser, a Essência, a Fonte de onde todos nós viemos. Nesse primeiro estado, somos todos um. Porém Esse Ser, Essa Fonte existe num mundo não manifesto. E para manifestar-se aqui, no mundo visível: Ele se utiliza do corpo – o corpo físico que todos nós temos –, que é a manifestação do Ser. Mas para que esse corpo pudesse viver neste mundo, onde nós estamos, foi desenvolvida a mente. Essa mente deveria ser o instrumento para que o corpo pudesse viver e compartilhar no mundo manifesto. Mas com o acumulo do conhecimento, começou a surgir o Ego, foi então que nós começamos a perder o contato com a Fonte, com o Todo, com Deus, com o nosso Ser. Essa limitação, esse isolamento egóico, começou a provocar toda a agonia humana, todo o sofrimento que conhecemos. Agora o que temos de fazer é andar o caminho de volta.


Edson Carmo

sábado, 17 de abril de 2010

EFEITO E CAUSAS


Vemos muitas coisas horríveis neste mundo e dizemos: “Que sentido há nisso?”

Uma coisa terrível acontece com um e traz um alerta para uma multidão. Muitos cometem erros, se dão mal, e isso serve para o arrependimento de muitos.

Se tirarmos uma peça de um quebra-cabeça e mostrarmos para alguém, então isso parecerá sem sentido, porque a mente humana não pode entender fragmentos, ela só pode entender o completo. E o mundo é um grande quebra-cabeça e cada peça deste quebra-cabeça é um acontecimento.

Cada momento é o que é, porque não pode ser outra coisa. E os momentos ruins devem funcionar como uma reflexão profunda. Porque quanto mais seres humanos vejam a loucura da mente, mais mudança chegará a este mundo.

Portanto não entre na loucura, se não você se tornará louco, louca. Você pode olhar para a loucura, perceber, mostrar a sua conseqüência aos outros, mas não deve lutar com ela – ela lhe arrastará para dentro dela. É isso que acontece: violência gera violência. Se você lutar contra um homicida e matá-lo, será homicida também. Seja bom apenas em mostrar o mal, para que a visualização dele traga mudança a todos.

Edson Carmo

domingo, 4 de abril de 2010

O MECANISMO DO RITUAL



As pessoas estão buscando o mundo espiritual através do ritual... Mas quantos sabem como funciona o ritual? Será que quem elabora o ritual sabe o que está fazendo? E quem pratica o ritual elaborado, será que sabe o que está fazendo? Por que existem tantos rituais e tão pouca espiritualidade? Por que os “cristãos” com todos os seus rituais não conseguem serem réplicas de Cristo?

Há muita confusão neste campo, porque cada um quer ser sem nada fazer. Cada um quer andar sem antes engatinhar. Cada um quer se formar sem antes se alfabetizar. Cada um quer ser espiritual sem antes desconstruir o carnal. Muitos querem ser mestres sem antes se tornarem discípulos... Mas ninguém pode conhecer o corpo espiritual sem antes superar os corpos superficiais. Como uma faca pode atingir o interior antes de perfurar o exterior? Como o Cristo pode entrar em tua casa sem antes abrires para Ele a porta?

Teu corpo precisa da terra, mas teu corpo não pode comê-la diretamente. Você não pode nutri o corpo diretamente com a terra. Então você cultiva a terra, planta uma semente na terra; daí a semente tira o alimento da terra, transforma-o e só então comes da terra os seus legumes, as sua frutas... Teu corpo precisa do pasto, mas teu corpo não quer comê-lo diretamente. Então teu corpo toma o leite da vaca – porque a vaca transformou o pasto em algo que consegues consumir.

Assim, teu corpo físico precisará transformar o ritual em algo que a alma possa consumir. A alma por sua vez terá que transformar este algo em alimento para o espírito. E só então teu espírito estará vivificado e, pela primeira vez, serás um homem ou uma mulher espiritual.

Edson Carmo

quinta-feira, 1 de abril de 2010

RETIRO



UMA BOA PÁSCOA A TODOS

A partir de agora até 05/04/2010 estarei ausente da BLOGOSFERA. Dia 06/04/2010 retomaremos nosso convívio virtual. Um abraço em todos e até a volta.

Edson Carmo

terça-feira, 23 de março de 2010

QUAL A QUALIDADE DOS SEUS FRUTOS?


O potencial máximo da árvore é o seu fruto. O fruto é a sua energia criativa, e também, nutritiva. Essa energia tem o “poder” de trazer a existência novas árvores e nutrir pessoas, pássaros, insetos...

Mas, a qualidade do fruto depende da árvore? O que faz o fruto ter sabor ou não ter sabor? O que faz o fruto ser vitaminado ou envenenado? É simples a resposta! O maior responsável pela qualidade do fruto é o solo. E existem pelo menos três tipos de solo: o solo doente, o solo em praga e o solo fértil – em que solo você está plantado?

Suas raízes têm levado aos frutos, aquilo que retiram do solo, elas não tem alternativa, não tem escolha – estão plantadas ali.

Muita gente por não perceber onde está plantada, tem produzido frutos venenosos.
E esse frutos, o que estão criando? O que estão contaminando?

Pense nisso!

Edson Carmo

terça-feira, 9 de março de 2010

O AMOR NÃO É UM FAZER, MAS UM ESTADO DE SER

Muitos acham o amor encantador. Por isso, muitos querem amar. Mas amor não é questão de fazer, amor é questão de ser. O sol não quer estar luminoso, ele é luminoso! Não é questão de querer fazer, é questão de ser – o sol não tem escolha! Na verdade o sol não está fazendo absolutamente nada; esquentar e iluminar não são trabalhos para ele, não é um esforço. Mas se o sol tentasse fazer alguma coisa, talvez ele se apagaria e todos morreriam.

Há um princípio que deve ser considerado! Todo esforço pede repouso. Toda ação pede compensação. Ninguém pode trabalhar 48 horas sem parar. É por isso que as pessoas começam “amando” e terminam odiando! Começam animadas e do meio para o fim se tornam desanimadas, desinteressadas. Por que isso acontece? Ora, isso acontece porque seu amor é um esforço, é um fazer, e não um estado de ser. Não é uma coisas real, mas um ato laboral. Todo esforço exige o seu oposto – o repouso. Quem está se esforçando, um dia acaba cansando – e então tem de parar.

Lembre-se: O amor é como a respiração. Você está respirando desde o seu nascimento. Você dorme; você acorda; você trabalha; você descansa e a respiração está sempre aí. O seu respirar não é um esforço, não é algo que você esteja fazendo, simplesmente está acontecendo. Portanto abandone o fazer, deixe simplesmente o amor acontecer. Ele está aí, ele quer fluir.

Edson Carmo

sábado, 6 de março de 2010

O MEDITAR NA LEI DO SENHOR


As palavras meditação e medicina vêm da mesma raiz; sendo que a meditação cura a alma e a medicina trata do corpo. Se as duas não atuarem no conjunto corpo/mente, então não haverá saúde perfeita. Sim, o ser humano precisa das duas – meditação e medicina – para ter uma vida salutar. O livro de Salmos 1: 1 e 2 diz que, aquele que medita na Lei do Senhor de dia e de noite é bem-aventurado. A Lei do Senhor em sumula é: ama a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo. Olhando direitinho para esta sumula, podemos ver que o amor deve ser direcionado a Deus, a nós mesmos e ao próximo. O amor é a única medicina para alcançar a beatitude, a bem-aventurança. Deus é amor!

A meditação é o exame, a contemplação... O médico precisa do exame para dar o diagnóstico... O diagnóstico determina a receita, o remédio... O remédio traz a cura.

A meditação faz com que você observe o que está se processando dentro de você. Ela faz você perceber seus pensamentos, seus sentimentos... Se você contempla uma infecção sentimental, então consulte a Lei do Senhor, ela é o remédio. Se for um pensamento, faça a mesma coisa. A beatitude está em você, livre-se do que a esconde.

Edson Carmo

sábado, 27 de fevereiro de 2010

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

DA CONSCIÊNCIA PARA INCONSCIÊNCIA


Quando foi que viemos a ficar inconscientes de quem somos? Quando esquecemos que somos consciência e passamos a pensar que somos o corpo! Como foi que a idéia de ser o corpo entrou em cena? Quando a consciência se identificou com o corpo – o seu instrumento!

É através do corpo que a consciência pode se manifestar e provar. E foi exatamente no manifestar e no provar que ela acabou se identificando, se confundindo, se misturando com o instrumento – o corpo. Então a consciência passou a tomar o instrumento, o corpo, como sendo ela. E agora, é essa identificação secundária que acreditamos sermos nós.

Esta é a formação básica do EGO. Precisamos voltar a sermos CONSCIÊNCIA!

Edson Carmo

sábado, 6 de fevereiro de 2010

JESUS DISSE: “NEGUE A SI MESMO”


Jesus disse: “negue a si mesmo”

Você pensa que Jesus está tentando tirar algo real de você? Você pensa que Ele tem algo contra o seu Ser? É claro que não!

Mas você me pergunta: “Então por que Ele está mandando negar-me?!” Eu te direi!

Jesus não está falando contra a Imagem e Semelhança de Deus. Jesus não está falando do seu Ser original. Jesus está falando contra a imagem que você criou de si mesmo. Jesus está falando contra a imagem que fizeram de você, essa que você aceitou.

Deus lhe fez Santo, mas você se tornou um pecador. É o pecador quem deve ser abandonado, não o Santo! Você entende isso?!

Observe: você vive num mundo cheio de coisas. Nada é seu, mas você pensa que é. Existem entre essas coisas, coisas que você dá especial importância – é o seu apego, a sua possessão. Também existem coisas – a grande maioria – que você não dá a mínima importância. Então eu lhe pergunto: qual delas lhe perturbará? Provavelmente as que você dá importância, a que você tem apego! Correto?

Olhe a sua volta, olhe dentro de você. Quais são as coisas que você dá importância? Quais as coisas que lhe trazem pré-ocupação, perturbação? Descobriu? E agora, o que você vai fazer? Você pode se livrar delas? Não, você não pode, não é?

Se você não pode, então se livre de você. Negue essa criação possessiva, esse medo, esse materialista que você si tornou; negue a si mesmo!

Edson Carmo

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

LIVRE-SE DO EGO E TENHA PAZ!


Existe um momento em que o EGO está presente e um momento em que o EGO não está presente. Quando você está acordado ele está presente; quando você dorme, ele já não está – ele desaparece. Mas lembre-se, eu estou falando de sono, não de sonho. Estou falando do sono sem sonho!
Onde você está no momento do sono? No momento do sono sem sonho, onde estão as imagens, as coisas, as pessoas, os relacionamentos, os graus de parentesco, os títulos, as disputas, os conflitos...? Quando você entra na dimensão do sono sem sonho, todas as idéias desvanecem; não há mais nenhum tempo, nenhum espaço, nenhum país, nenhuma preocupação... Ainda assim uma presença existe, uma vida existe; há uma respiração, uma pulsação no coração...
Você é capaz de descrever para mim o que aconteceu enquanto você estava dormindo sem sonho?
Eu sei que você só poderá me responder: “Nada!” E esta é a resposta certa.
Mas por que você rejeita todas as coisas, até as coisas que você gosta, para oferecer-se ao “nada”?
Talvez você me diga que é para recarregar as energias – porque esta é a resposta mais sensata!
Então consideremos esta resposta. Para recarregar as energias você se move até o estado de “nada” e, se você não for até ele, certamente ficará louco.
Mas o que acontece quando você acorda? É certo que você me responderá: “o meu ‘eu’ esta de volta!”
Então o EGO acordou. Quando o “eu” acorda, o passado, o presente e o futuro também acordam. Quando o “eu” acorda, tudo o mais acorda: o tempo, o espaço, os sons, o sol, as flores, os pássaros, os mares, os desejos, os medos, as agonias... Enquanto o “eu” estava dormindo, tudo era silêncio, paz, quietude... .
Agora compreenda comigo: se você não tocar o “eu”, se você não acordar o EGO, é certo que você estará em relaxamento, viverá na paz do sono mesmo estando acordado. Portanto Esteja acordado enquanto dorme e dormindo enquanto está acordado. Esteja livre do EGO e o gozo estará em você; você verá, saberá quem você realmente é.

Edson Carmo

domingo, 10 de janeiro de 2010

A VERDADEIRA RELIGIÃO


Se você for um religioso, então você forçará as pessoas a lhe amar, a gostar de você... Você não permitirá o livre arbítrio; você não a dará liberdade de escolha.

A religião é uma escravidão, uma forçação de barra. Quando alguém é forçado, seu ser interior se rebela, resiste e o que ele fizer será falso e feio.

A comunhão tem de ser buscada em liberdade, não por imposição. Se você for obrigado a amar, a palavra amor se tornará um palavrão, um insulto...

As pessoas dizem ter Deus no coração, mas isso não é verdade. Deus é amor! Se tais pessoas têm Deus no coração, então por que elas não amam?

Se você tem amor, então ame, mas nunca espere amor de quem não tem. Não tenha expectativa, porque você irá se frustrar.

Ame seu irmão, nunca os imponha nada. Ame-os, deixe-os sentir que Deus fez algo por você. Deixe-os sentir que Deus está em você. Deixe-os ver suas lágrimas, sua gratidão, sua alegria, a beleza de tudo isso. Não os force, deixe-os escolher viver a comunhão. Quando eles abrirem os seus corações para Deus, então o Amor entrará e a comunhão acontecerá naturalmente.

Edson Carmo

sábado, 2 de janeiro de 2010

SERMÃO - O SIGNIFICADO DO NOME E DA OBRA DE JESUS


Mateus - Capítulo 1 - Versículo 21.

Disse o Anjo a José:

21 ela (Maria) dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque Ele salvará o seu povo dos seus pecados.

Introdução:

O nome de Jesus não foi escolhido por José, nem por Maria, nem por os parentes. O nome de Jesus foi escolhido e dado por Deus.

Seu nome não foi escolhido por causa da sua beleza, mas sim por cauda do seu significado.

Jesus não veio aqui com a missão do material, e sim, do espiritual.

Andamento:

01 – Você sabe o significado do nome de Jesus?

O nome de Jesus significa basicamente Salvador. Jesus de fato é o único Salvador – no que diz respeito à maldição do pecado.

Existem outros salvadores: bombeiros, policiais...

Mas Jesus é Salvador dos salvadores, porque Ele salva daquilo que mais ninguém pode salvar.

02 – Você pode ver como estão utilizando Jesus como salvador apenas de coisas materiais?

Mudaram a gloria de Jesus em mentira, estão usando-o como servo, e não o adorando como Senhor.

Jesus tem sido invocado nos templos como salvador financeiro, como curandeiro...

Aquele que veio com a intenção primordial de salvar o povo dos seus pecados, agora é visto apenas como santo casamenteiro, santo empregador...

Conclusão

Entenda o Significado do nome de Jesus, entenda o porquê da sua vinda. Passe da morte para vida.

Edson Carmo